Tuesday, November 13, 2007

Para melhorar a distribuição de renda

O Facista:

Para melhorar a distribuição de renda deveríamos proibir que os pobres tivessem filhos. Para poder ter um filho o cidadão deveria ter que pagar um valor de, por exemplo, uns 100 mil dólares para o governo. Os ricos teriam obviamente mais filhos e suas fortunas seriam divididas entre os filhos por gerações fazendo que com a riqueza fosse cada vez mais distribuída entre vários indivíduos. Os pobres logo seriam minoria, então os trabalhos na base da cadeia alimentar teriam mão-de-obra escassa e por consequência melhores salários. A grana paga para o governo serviria para manter um sistema de busca e apreensão de rebeldes tendo filhos escondidos. Cidadãos que tivessem filhos escondidos, pobres obviamente, seriam executados. O mesmo valeria para seus filhos nascidos sem o pagamento da taxa. Oquê só aceleraria o processo de avanço a uma sociedade mais equilibrada.

O Comunista:

Só os pobres poderiam ter filhos. Se o cidadão fosse rico, não poderia ter filho. Quando ele morresse seu dinheiro seria distribuído pelas famílias pobres que mais filhos tivessem. Ricos que tivessem filhos escondidos teriam toda sua fortuna apreendida e distribuída também. Depois de alguns anos os ricos estariam extintos e a renda dividida entre as pessoas.

4 comments:

"Cientista Político" said...

Seria ótimo se a distribuição de renda estivesse subordinada aos caprichos de um Estado forte que pudesse impor uma política utópica como essa: "limitem a natalidade!".

Daniel Caron said...

Sei não Lopes. Talvez a revolução seja dos nossos valores de realização PESSOAL versus COLETIVO.

Ou talvez simplesmente o homem seja o lobo do homem. Sei não Lopes.

A Tothmea tá lá. Pra vc cara! Uma capa e tanto.

Má Mosol said...

Ixi, dá pra passar um bom tempo pensando nisso, hein. Mas eu gostei muito das duas idéias, principalmente pelo fato de estarem somente no papel. Hahaha.

Alien 8 said...

Adorei os textos e gostaria de saber se haverá a versão do Capitalista e do Democrata.

Alienígena.