Friday, June 09, 2006


A Gravata

Estou usando gravata para trabalhar agora.

Mas que coisa é essa, a gravata? De primeira pode parecer um babador. O animal corporativo quando vai almoçar libera o bicho interior e baba. Esparrama comida e a gravata garante a limpeza da camisa. Para a próxima reunião troca-se a gravata pela outra que está no bolso do paletó. Mas se fosse isto, seria a gravata algo muito ineficiente. Ela é pequena demais, não protege muito. E é geralmente confeccionada a partir um tecido sofisticado, não dá para ficar lavando toda hora.

Pode ser então uma espécie de cachecol. No calor, sabe-se bem que o simples fato de soltar a gravata alivia alguns graus. Mas, espera aí, no frio uma gravata ajuda pouco, quase nada no aquecimento do pescoço. Obeservemos os chiques executivos que colocam por cima da gravata, coletes, cachecois e sobretudos. Conclusão, também não é isto.

Pode ser simplesmente que aquele pedaço de pano só sirva para enfeitar mesmo. Pode ser. Entretanto, geralmente os padrões de cores, listras, retângulos, triângulos, figuras geométricas em geral, ou aqueles (aaaaaaah!!!!) desenhos de personagens, que decoram a gravata não serviriam para confeccionar qualquer outra peça de roupa. Feche os olhos e imagine suas calças de bolinhas.

Sobra então o valor simbólico. A gravata está ali e simples sugere A CORDA NO PESCOÇO!

6 comments:

Adri said...

Consigo te imaginar vestindo uma camisa de seda listrada ou com bolinhas, com uma gravata branca de algodao....

Augusto Ouriques Lopes said...

Bom comentario!! hahaha

Tuaregue said...

Faltou dizer que a gravata é o adereço "viril" do macho e serve para alardear às fêmeas: "olha eu aqui, sou um vencedor" do mesmo modo que o pavão usa a sua cauda.

Tuaregue said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Agnes said...

O pior eh no calor do Texas usar gravata...
Suplicio total...
Viva o ar condiconado !!!

Amatuzzi said...

Na verdade Augusto, a real função da gravata é esconder os botões da camisa, uma vez que ela não é usada com camisetas.

Aqueles botões enfileirados de cima a baixo tiram a elegãncia de qquer traje.